Connect with us

Hi, what are you looking for?

Famosos

Regina Duarte desabafa: “Projeto de Cultura com que sempre sonhei era inviável”

Regina Duarte

Regina Duarte ainda comanda a Secretaria da Cultura. (Foto: Reprodução)

Após 15 dias de pedir demissão do cargo de Secretária de Cultura do governo Bolsonaro, Regina Duarte fez um desabafo sobre sua breve passagem por Brasília. A atriz, que foi duramente criticada pela classe artística, revelou que seu plano para a pasta era incompatível com os objetivos da gestão atual.

LEIA MAIS: VERA FISCHER É DISPENSADA DA GLOBO

E por falar em Cultura… … aceitei assustada o convite para a Missão. Aceitei por amor ao meu País, por paixão irrefreável por Arte e Cultura, por confiança no governo Bolsonaro. Aceitei porque muita gente, muita gente mesmo, quando cruzava comigo, em qualquer lugar, com o olho brilhando de esperança, dizia: ‘Aceita, Regina!’ Minha inexperiência em gestão pública foi crucial para que eu descobrisse, até com certo atraso, que o Projeto de Cultura com que sempre sonhei era inviável, porque eu estava enredada num universo muito mais preocupado com Ideologias do que com Cultura”, escreveu a ex-estrela da Globo.

As pressões cotidianas de gente que desconhece a máquina da administração pública foram companheiras constantes. Sempre me pareceu nítido que havia uma torcida nas mídias, nas redes sociais para que a minha gestão não se consolidasse. E sigo Secretária. Não me permito sair deixando incompletas lutas e conquistas para o Setor Cultural. Um exemplo? A Convocação pelo Ministério do Turismo, da reunião do Conselho Gestor da ANCINE para que o Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) seja liberado. Editais que darão novo fôlego à Cultura Brasileira serão novamente possíveis“, contou a mãe de Gabriela Duarte.

Regina ainda contou que tem trabalhado em um vídeo que mostrará todos os seus feitos no curto período em quem liderou o setor. “Trabalho ainda na edição de um vídeo com textos e imagens que falam do Projeto de Cultura que pude construir com minha Equipe. Não foi pouca coisa. Em breve vou ter a alegria de comunicar as ações que minha passagem pela Secretaria Especial da Cultura deixa como legado a quem me suceder“, afirmou.

Nomeação de Regina Duarte para a Cinemateca ainda não saiu

Para manter a aliança, Bolsonaro prometeu à Regina a Cinemateca de São Paulo. O cargo, porém, não existe de fato, e teria que ser criado por meio de decreto. Até então, isso não foi feito, e a atriz permanece dando expediente como secretária da cultura, enquanto não é determinado seu substituto.

O órgão, inclusive, corre grande risco de sair do poder do Governo Federal. Isso porque o contrato de manutenção da Cinemateca vence no dia 08 de junho – próxima segunda-feira – e tudo indica que não será renovado.

Já existe, porém, um Plano B. Caso a Cinemateca não tenha futuro junto à gestão de Bolsonaro, Regina Duarte deverá ser direcionada para a Direção de Assessoramento Superior (DAS). O setor é subordinado do Ministério do Turismo, e manteria a atriz sob os olhares de Marcelo Álvaro Antônio.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

Famosos

No começo do ano, a atriz Regina Duarte decidiu suspender seu contrato com a Globo após 50 anos, depois de ser convidada para assumir...

Entretenimento

Jair Bolsonaro, ou pode chamar de “o pagador de promessas”! Em entrevista para a rádio Jovem Pan, o secretário especial da Cultura Mário Frias...

Famosos

A atriz Betty Faria participou do “Conversa com Bial” na noite de terça-feira (14) e fez um desabafo sobre o atual momento do Brasil....

Famosos

Chegou ao fim (agora oficial) a passagem de Regina Duarte pela Secretaria Especial de Cultura. A exoneração saiu na manhã desta quinta-feira (11), no...