Connect with us

Hi, what are you looking for?

Entrevista

Rafael Ventura: perseguido pelas autoridades de Ribeirão Pires, jornalista fala sobre o caso

Rafael Ventura
Imagem: Redes Sociais/Reprodução
Rafael Ventura

Imagem: Redes Sociais/Reprodução

Profissionais que outrora eram bem vistas pela sociedade brasileira, enfrentam cada vez mais dificuldades para seguir seu ofício. Professores, médicos, enfermeiras e, sem sombra de dúvidas, jornalistas. Principalmente num momento que o simples ato de informar dados estatísticos é visto como um ato ‘oposicionista’ por um terço da população. Rafael Ventura.

Sendo um doador regular do Comitê de Proteção a Jornalistas, me chamou atenção uma nota forte emitida em defesa de Rafael Ventura, um jornalista do interior de São Paulo que vem sendo perseguido por autoridades de Ribeirão Pires, cidade onde atua. Preocupado, entrei em contato com o Rafael para saber mais dessa história.

O resultado da nossa conversa, assim como o motivo pela qual a liberdade de imprensa está sob ataque na cidade, vocês conferem abaixo.

1º. – Para aqueles que ainda não te conhecem, peço que conte um pouquinho da sua história e trajetória para nossos leitores.

Meu nome é Rafael Ventura, e trabalho há cerca de seis anos como jornalista. Atualmente trabalho na D&V Comunicação, empresa responsável por dois veículos de comunicação na região do Grande ABC Paulista, o Diário de Ribeirão Pires e o Mauá Agora, em duas, das sete cidades da região.

Rafael Ventura

Imagem: Redes Sociais/Reprodução

2º. – Você vem sendo perseguido e ameaçado por fazer seu trabalho como jornalista, seja por denunciar abuso de poder ou falta de cuidados sanitários num momento de pandemia. Como tem lidado com tudo o que você tem passado nos últimos meses?

Jornalistas que trabalham em cidades menores sofrem muito, principalmente em anos de eleições municipais. Tentam de qualquer forma descredibilizar o nosso trabalho, e nos atacar para que fiquemos com medo. Eu, por exemplo, já recebi três processos somente este ano. Todos por parte de membros da atual administração municipal, que tentam me impor medo e silêncio para que eu não faça nenhuma crítica à gestão. Aqui na região, a casa de um jornalista já foi alvejada com tiros na última eleição.

3º. – Realmente me impressiona o fato de o Comitê de Proteção a Jornalistas ter se manifestado sobre seu caso, enquanto a grande imprensa brasileira sequer publicou uma nota sobre a perseguição que vem sofrendo. Essa falta de solidariedade interna também lhe incomoda?

Eu Acredito que os profissionais da imprensa são muito unidos sim nestes momento. Claro que pode melhorar, mas acredito que muitas vezes nem é por maldade, mas é que com a vida corrida, muitas vezes, a informação nem chega. Mas uma vez que tivemos outro problema, fomos atendidos. Acredito é que as entidades de proteção aos jornalistas poderiam criar uma frente única para dar mais publicidade aos relatos. Até porque são muitos.

4º. – Você já sofreu até mesmo ameaça de morte de um usuário, provavelmente fake, no Facebook. Já ficou com medo de sair de casa diante de algo tão sério?

Sim, mas depois descobrimos que a pessoa não é fake. A polícia está conduzindo as investigações. Infelizmente faz parte da profissão. Não deveria, mas faz. O Brasil é um país muito violento com profissionais de imprensa e jornalistas. Não foi a primeira vez que fomos atacados com violência, e provavelmente não será a última. O que eu faço, é tomar uma série de cuidados, como mudar a rota do caminho para o trabalho, tenho mais de uma casa, então durmo em locais diferentes com frequência, troco de carro sempre, coisas assim.

5º. – Tive a infelicidade de ler todos os abusos e ameaças que vem sofrendo. Aconteceu mais alguma coisa que ainda não foi noticiado e você gostaria de compartilhar?

Acho que o último ataque foi a tentativa do vice-prefeito da cidade, Gabriel Eid Roncon (PTB), em abrir um processo contra mim e com pedido de liminar para que o jornal apague matérias de opinião do meu blog, que fica dentro do portal do jornal.

Diário de Ribeirão Pires

Imagem: Divulgação

6º. – Diversas associações, comitês e federações de jornalismo emitiram notas em apoio ao seu trabalho e ao seu caso. Algum político de Ribeirão Pires ou do estado de São Paulo entrou em contato contigo para lhe oferecer apoio?

Sim, diversos amigos vereadores aqui da região entraram em contato para me oferecer solidariedade sobre o caso. São pessoas que me conhecem, e sabem do meu trabalho sério.

7º. – O que o futuro reserva para o Diário de Ribeirão Pires?

Muito trabalho, e trabalho sério. Nós não nos intimidaremos com ataques ao nosso trabalho. Vamos continuar fazendo o mesmo jornalismo sério de sempre. A verdade dói, mas liberta, e o nosso compromisso sempre será com e verdade e com nosso público.

8º. – O que diria para aqueles que, mesmo não sendo jornalistas ou influentes, querem te ajudar nesse momento tão difícil?

Acredito que podemos tornar público esses ataques, quanto mais pessoas souberem, menos isso vai acontecer. O intuito desses ataques sempre é que o jornalista se cale, mas dando ainda mais publicidade, poderemos mostrar que essa tática não dá certo. Além disso, apoie o jornalista local de sua região. Ele é o que dá as caras aos problemas e também é o primeiro a sofrer algum ataques, são a linha de frente do jornalismo.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

Entrevista

É provável que você não saiba quem é Gabe Fleisher, tampouco leia sua newsletter diariamente, mas nos Estados Unidos já alcançou certa relevância. Ele...

Entretenimento

É bastante possível que você já tenha ouvido falar em Luan Poffo. Contudo, é bastante possível também que não sabe exatamente quem é o...

Famosos

O dia na praia foi incrível. A luz natural do sol estava ótima. Foi aí que Rafael Lugão decidiu tirar uma foto dando um...

Entrevista

Todos nós temos nossas referências quando precisamos ler notícias confiáveis sobre determinado tema. Seja sobre política, ciência, esporte, economia, cultura e entre outros assuntos....