Connect with us

Hi, what are you looking for?

Famosos

Gloria Groove comemora indicação ao Prêmio Multishow em entrevista exclusiva; Vem ver!

Completando seu jubileu de prata, o Prêmio Multishow – edição 2018 – promete quebrar novos tabus. A começar por uma das indicadas na categoria Experimente: Gloria Groove desponta como novo nome do pop brasileiro, em um cenário que vem ganhando destaque dentro e fora do país. Para comemorar a indicação e festejar o aniversário de 25 anos de uma das maiores premiações do Brasil, uma entrevista exclusiva com Gloria Groove.

LEIA MAIS: JORNAL REVELA CRESCIMENTO DA FORTUNA DE MICHAEL JACKSON APÓS SUA MORTE

Daniel Garcia mais conhecido com Gloria Groove iniciou sua carreira em 2002 e após dez anos se dedicando a dublagem, ganhou notoriedade nacional em 2016 com a faixa “Dona”. Antes disso porém, fez participações em comerciais, programas de televisão (Amor & Sexo e Raul Gil), na novela ‘Bicho do Mato‘ (RecordTV), como cantor no ‘Balão Mágico’; Em menos de três meses, o vídeo alcançou a marca de um milhão de visualizações no Youtube, emplacando outras faixas como “Arrasta,”Império”, “Catuaba”, “Gloriosa”, “Muleke Brasileiro” e “Bumbum de Ouro” – um de seus maiores sucessos. “Já são 15 anos na música e somente três como drag. Sempre tive a música por perto por causa da minha família. Já trabalhava desde os sete. Sempre soube o que ia fazer”, contou.

Hoje, indicada na categoria Experimente – que revela novos nomes a cada ano – Gloria Groove comemora a indicação: ‘Além de ser um novo horizonte que meu trabalho alcança, também simboliza as conquistas e posições de sucesso que nós LGBTQs temos a capacidade de protagonizar. É revolucionário’, afirma.

Resultado de imagem para gloria groove 2018

JB: A categoria Experimente, premia anualmente novos artistas. Você é uma das indicadas do ano. Qual a importância de estar participando de uma premiação no porte do Prêmio Multishow, que reúne um leque de artistas consagrados no Brasil? Vamos ter performance no palco?

GG: É a sensação mais maluca, porque eu literalmente cresci assistindo e me inspirando no universo pop das premiações. Sentir que hoje eu faço parte de uma revolução no cenário musical do meu país, já é uma vitória por si só. O Prêmio é uma das chances que temos de celebrar nossa evolução. Até o presente momento nada sobre performance chegou até a minha pessoa, mas… alguma dúvida de que eu faria com o maior prazer? Meu sonho!

JB: Seu hit Bumbum de Ouro toca em todas as rádios e entrou na trilha sonora de Malhação – Vidas Brasileiras. Você imaginou atingir essa marca quando a música foi lançada? Qual a importância disso pra você?

GG: Sempre planejei e esperei o melhor para a música, mas nada nos prepara pro verdadeiro baque. Até então era um dos meus maiores sonhos ter uma música na boca do povo, e agora que vi isso acontecendo, é como uma sensação viciante que quero ter várias e várias vezes. Além de ter me posicionado de forma diferente no mercado, me deu a chance de chegar em mais lugares, e assim, ser espelho pra mais pessoas.

Resultado de imagem para gloria groove 2018

Gloria Groove faz todo mundo bater o bumbum no clipe de “Bumbum de Ouro” – (Foto: Divulgação)

JB: Qual o seu nível de ansiedade para a premiação? Seus fãs tem te apoiado nessa fase?

GG: Nível máximo! (risos) Que bom que tenho os fãs nesse momento pra me lembrarem de respirar e confiar no que tenho construído até agora, e em tudo que ainda posso – e vou – construir.

Resultado de imagem para gloria groove 2018

Gloria Groove em cena do clipe de ‘Bumbum de Ouro’

JB: Em uma entrevista para a Rádio Mix você afirmou que o seu desafio era ganhar notoriedade e o respeito do país. Tem conquistado isso? Você acredita que seu trabalho já é visto com outros olhos? Pabllo Vittar de fato abriu os trabalhos para você e outras que estão vindo?

GG: Acredito que estamos trilhando um caminho brilhante, e conseguindo escrever nossos próprios destinos. O impacto das drag queens no mercado audiovisual é inegável. Coisas como o trabalho da Pabllo e o fenômeno RuPaul impulsionam e transformam a percepção do público sobre a arte drag queen. São fenômenos que abrem caminho pra artistas como eu, que trabalho com música desde sempre e só mais tarde quis unir drag a isso. 

Imagem relacionada

JB: Com quantos anos você se descobriu drag? Que portas isso abriu e também fechou?

GG: Eu tinha 17 anos, cursava o 3º ano do ensino médio e estava na minha primeira montagem independente de teatro musical, com o “Hair”. Em determinado momento da peça, eu aparecia montada e cantava uma música. Aquele contato me instigou a querer me aprofundar no estudo da arte de se transformar. Aos poucos, fui percebendo que isso era o que faltava pra finalmente me enxergar enquanto artista, foi quando comecei também a compôr. Este processo me empoderou, mas também me fez abrir mão de uma série de privilégios, relações e ambições paralelas.

JB: Quais os próximos projetos pela frente? O que os fãs podem esperar desse restinho de 2018 e início de 2019?

GG: Eu sempre estou no estúdio produzindo algo novo. Este ano ainda teremos mais singles, com certeza. Estou em pré-produção de um novo vídeo para uma faixa R&B que tem sido meu “xodó”. Fora isso, tenho explorado e trabalhado vários outros estilos. Vocês conhecerão na hora certa. 

 

 

 

 

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

BBB

Falta menos de uma semana para a estreia do BBB 21, e finalmente vamos conhecer os participantes desta temporada. Conforme anúncio feito por Tiago...

Famosos

Não é segredo para ninguém que Anitta tem trilhado os caminhos de sua carreira internacional. Cada vez mais fora do Brasil, a cantora prepara...

Televisão

O fim do Vídeo Show pegou muita gente de surpresa. Nos Estúdios Globo – desde o anúncio do fim na última terça(08) – o...

BBB

O BBB 19 está na área meu povo! E agora, já podemos comentar e conhecer os primeiros participantes da décima nona temporada do reality...