Connect with us

Hi, what are you looking for?

Famosos

Eduardo Bolsonaro ataca Maju Coutinho: “Arrogância”

Eduardo Bolsonaro e Maju Coutinho
Eduardo Bolsonaro e Maju Coutinho. (Foto: Reprodução)

Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente Jair Bolsonaro, atacou a jornalista Maju Coutinho na tarde desta quarta-feira(17) nas redes sociais.

+Felipe Neto volta a atacar Jair Bolsonaro: “Tem medo”

Durante o Jornal Hoje, a apresentadora noticiou o aumento de restrições que governadores e prefeitos estão promovendo em todo o Brasil e afirmou que não dá para a população reclamar. Durante seu discurso, ela usou o termo “o choro é livre” e se tornou um dos principais assuntos das redes sociais.

Os números da pandemia não param de subir e as medidas restritivas de circulação estão se espalhando. Os especialistas são unânimes que essas são medidas indispensáveis agora para conter a circulação do vírus. O choro é livre, não dá pra gente reclamar”, disse Maju no Jornal Hoje desta quarta(17).

“Do alto de sua arrogância global e de seu alto salário, Maju Coutinho defendeu lockdowns e debochou de quem precisa trabalhar para não passar fome. Segundo Maju, se você não pode ficar em casa, ‘O CHORO É LIVRE, É ISSO QUE TEM’. É esse o tipo de gente que nos ataca na GLOBO LIXO”, escreveu o deputado.

Enquanto Eduardo Bolsonaro ataca Maju, CNN Brasil se afasta de Bolsonaro

Fim do amor! A relação de amizade entre a CNN Brasil e Jair Bolsonaro parece que chegou ao fim. O canal pago e sua emissora mãe nos Estados Unidos colocaram as mangas de fora e partiram para o ataque contra o presidente Jair Bolsonaro e sua postura contra a vacina, a ciência e favorável ao caos no Brasil.

A CNN denunciou o governo brasileiro pela situação caótica na saúde e os graves erros na política das vacinas em meio ao novo pico de mortos da covid-19 no país, a chamada segunda onda de casos, vista no final do ano passado na Europa.

Uma equipe de reportagem da CNN norte-americana esteve no Brasil e mostrou de perto a situação alarmante nos hospitais e postos de saúde no atendimento aos doentes. Por lá, especialistas se mostraram indignados com os rumos da pandemia no país e não pouparam críticas duras ao presidente.

Aqui, William Waack detonou o Presidente durante o Jornal da CNN: “Foi uma coincidência macabra a que aconteceu hoje: no dia em que chegamos a dois mortos por minuto da Covid-19, o ministro da Saúde da vez declara que vai continuar o trabalho do antecessor dele. Falta de preparo, coordenação, diretrizes e competência, especialmente do governo federal”, afirmou.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

Famosos

Tatá Werneck voltou a se revoltar nas redes sociais e rebateu um seguidor que citou o amigo, Paulo Gustavo, para defender aglomerações, além de...

Televisão

Os apresentadores dos telejornais da Globo em São Paulo tem ficado exaustos com o atual esquema de trabalho nos fins de semana. Isso porque,...

Aconteceu na TV

Datena voltou a ser um dos assuntos mais comentados das redes sociais durante a edição do Brasil Urgente da última quarta-feira(24), onde detonou o...

Aconteceu na TV

A jornalista Monalisa Perrone, âncora do Expresso CNN da CNN Brasil, detonou o presidente Jair Bolsonaro na última terça-feira(23), ao vivo. +RedeTV vive impasse...