Connect with us

Hi, what are you looking for?

Cinema

Crítica | Predadores Assassinos

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

Se você fica fascinado com animais ferozes soltos pela cidade, esse filme é feito para você. Essa ‘característica de criatura’ bem feita e uma história de sobrevivência entre homens e animais que oferece sustos com saltos e emoções para compensar sua trama inexistente.

Apesar das advertências para ficar em casa durante um brutal furacão na Flórida, a estudante universitária e ex-nadadora competitiva Hayley entra no caminho da tempestade para procurar o seu pai, que mora sozinho no outro lado da cidade e não está respondendo as mensagens de ninguém. Ela o encontra machucado e inconsciente no porão apertado abaixo de sua antiga casa de família, e logo ela fica presa lá com ele e um grande jacaré assustador, mesmo quando a casa começa a inundar.

É uma premissa bem básica, mas que produz alguns momentos genuinamente emocionantes. Pai e filha lutam para manter-se a salvos de um número crescente de ameaças. Acontece que não há apenas um conjunto de dentes afiados por aí, há mais. Ainda bem que há sempre um punhado de personagens de fundo descartáveis ​​para fazer uma refeição.

O diretor do Piranha 3D, Alexandre Aja, usa espaços pequenos, itens essenciais com defeito, como telefones e tochas, e sua imaginação para criar cenários de tensão nas unhas. Em uma cena, Hayley fica presa dentro do box da banheira enquanto o bicho tenta chegar até ela no banheiro do lado de fora. Em outra, ela deve andar na ponta dos pés pelo balcão da cozinha, mesmo quando a sala está inundando rapidamente, sem saber que perigo se esconde na água.

O filme se move rapidamente, com uma velocidade de 90 minutos, mas perde um pouco de força quando pai e filha decidem abordar questões não resolvidas do passado. Dificilmente é a hora ou o lugar para desabafar emocionalmente, e até as conversas animadas do pai parecem totalmente previsíveis.

Para ser justo, o filme funciona apesar desses pequenas sequências que quebram um pouco o ritmo da ação. Kaya Scodelario, que interpreta Hayley faz um bom trabalho, e os jacarés realizados digitalmente são assustadoramente realistas. O que se desenrola é uma diversão bem mais ou menos. Se você gosta de prazer culposo, Predadores Assassinos não é uma maneira ruim de passar a noite.

O filme Predadores Assassinos estreou no dia 26 de setembro e segue em cartaz nos cinemas.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

Cinema

Uma mistura hilária de humor e assassinatos com muitas mortes sangrentas O diretor de A Morte Te Dá Parabéns, Christopher Landon, está de volta...

Cinema

Luzes piscando, multidões e um movimento vertiginoso da câmera A Festa de Formatura começa com impressões raivosas de uma estreia musical na Broadway. Duas...

Cinema

Ostentação de melhor desempenho do protagonista Desde que o filme O Abutre fez bastante sucesso em seu lançamento em 2014, o perfil do ator...

Entretenimento

A Netflix revelou nesta sexta-feira (4) o trailer completo de Pequenos Grandes Heróis. A Netflix já havia mostrado anteriormente o primeiro teaser do filme com a presença...