Connect with us

Hi, what are you looking for?

Premiações

As mulheres que se uniram e vestiram de preto para guerrilhar contra o assédio

“ Sororidade é a união entre mulheres, baseado na empatia e companheirismo, em busca de alcançar objetivos em comum.”

07 de janeiro de 2018. No Hotel Beverly Hilton, em Los Angeles. Aconteceu o Golden Globe, premiação hollywoodiana responsável por abrir a temporada de premiações do ano e particularmente, a cada ano que passa vem ser tornando a minha favorita. Há mais de oito anos acompanho a transmissão do tapete vermelho de premiações internacionais da indústria da música, cinema e moda. Com o passar dos aos descobrir a grande influência e que um tapete vermelho é muito mais o que a passagem da rua para a sala de cinema/premiação, mais que um símbolo do glamour, o tapete é: business. Mas, isso é conversa para outra hora.  Entretanto, na noite passada vi algo genuíno acontecer enquanto acompanhava pelas redes sociais a chegada das famosas no evento, percebi que adesão ao protesto – usar preto, simbolizando luto – era majoritário, eram menos de cinco as atrizes que não haviam vestido a camisa, digo o look all black. E, naquele momento para mim, parou de importar quem seria ou era a mais bem vestida da noite, qual era o design/marca que mais havia sido usado…Sim, naquele momento tudo parecia ter deixado de ser importante, afinal, começar o ano, vendo tantas mulheres unidas baseadas em empatia e companheirismo, em busca de alcançar o mesmo objetivo é sensacional. Afinal, protestos já haviam vindo acontecendo nessas cerimônias, mas pelo menos para mim, soavam sempre tímidas e dessa vez não, era aparecia bem mais forte. Basta lembrar do movimento #AskHerMore em que as atrizes pediram para os repórteres no red carpet perguntassem menos sobre os looks e mais sobre suas carreiras, na verdade o que elas queriam eram que o trabalho das mesmas fosse valorizado como os dos homens ali presentes, mas esse movimento foi muito mais tímido, acredito que para muitos, possa até aparecer como novidade. Entretanto, o que entra em discussão não é o movimento que teve menos ou mais adesão, mas sim mostrar que cada vez mais as mulheres estão se unindo e entendendo que mulheres unidas, jamais serão vencidas.

Imagem relacionada

E devido, isso nós do Blog João Biott decidimos dessa vez, substituir a tradicional matéria de “Quem Vestiu Melhor” por “As mulheres que se uniram e vestiram o preto para guerrilhar contra o assédio”.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!