Connect with us

Hi, what are you looking for?

Novelas

As 10 maiores vilãs de Walcyr Carrasco

Se tem uma coisa que é marca registrada nas novelas de Walcyr Carrasco, são a quantidade de vilões que suas histórias possuem. O autor não poupa esforços em criar personagens de caráter duvidoso, e essa já se tornou sua marca registrada.

Alguns com uma pegada mais cômica, muitos personagens acabam caindo no gosto do público. Como não se esquecer de Félix em “Amor À Vida”? Interpretado por Mateus Solano, o rapaz começou a trama como um vilão, porém com seu jeito descontraído e cheio de bordões, o personagem acabou conquistando o público, e aos poucos tendo sua redenção. Quem também não morreu de rir com Bárbara e Jezebel em “Chocolate com Pimenta”? A dupla de vilãs, interpretadas respectivamente por Lilia Cabral e Elizabeth Savalla, era rivais na história, e mesmo com suas maldades, elas eram responsáveis por diversos momentos cômicos da história.

Mas o autor gosta mesmo é de investir nas grandes vilãs, aquelas que o público ama odiar e vice-versa. Personagens peçonhentas, capaz  de qualquer coisa para atingir seus objetivos. Em sua novela que estreia hoje, “O Outro Lado do Paraíso”, a grande antagonista da história ficará por conta de Marieta Severo, que interpretará Sophia, uma mulher ambiciosa e sem escrúpulos. Além dela, as personagens de Grazi Massafera e Bárbara Paz também prometem dar o que falar.

Decidimos separar algumas das inúmeras vilãs de Walcyr, que souberam infernizar a vida dos protagonistas como ninguém.

10 – Minerva (“Morde & Assopra”)

Primeira dama da cidade fictícia onde a história se passava, a personagem foi interpretada por Elizabeth Savalla. Minerva é uma mulher gananciosa, egocêntrica e que despreza os mais humildes. Com a chegada de Júlia (Adriana Esteves) na cidade de Preciosa, a megera vê a oportunidade de construir um parque temático de dinossauros, para atrair turistas e gerar lucros ao local, e para isso incentiva que o marido Isaías (Ary Fontoura) invista nas pesquisas da arqueóloga. Para conseguir o que quer, a personagem foi capaz de mandar incendiar a fazenda de Abner (Marcos Pasquim), para se apossar da terra do rapaz, e ainda incriminar Júlia. Mesmo com tantas maldades, Minerva encerrou a novela sendo eleita prefeita de Preciosa.

 

9 – Aline (“Amor à Vida”)

A personagem interpretada por Vanessa Giácomo começou a trama como secretária de César (Antonio Fagundes), sempre mostrando-se bastante solícita, e gerando desconfiança da esposa e filho do médico, Pilar (Susana Vieira) e Félix (Mateus Solano).  Aos poucos a morena começa a seduzir o patrão, desestabilizando a família dele, e então quando menos se espera a personagem revela ser a grande vilã da história. No decorrer da novela descobrimos que Aline possui um passado obscuro, e que na verdade tudo que ela fez com César não passou de um plano de vingança que a personagem arquitetou durante anos. No final da trama, ela se mostrou uma vilã bastante impiedosa, e foi capaz de ir até as últimas consequências para destruir a vida do médico.

 

8 – Judith (“Caras & Bocas”)

A vilã de Deborah Evelyn deu e muito o que falar em “Caras & Bocas”. Ambiciosa, seu sonho sempre foi assumir a empresa de seu padrasto, Jacques (Ary Fontoura). No passado ela junto com sua mãe, Léa (Maria Zilda), incentivaram o milionário a separar Dafne (Thalita Ribeiro/Flávia Alessandra) de Gabriel (Rainer Cadete/Malvino Salvador). Além de infernizar a vida do casal principal, a megera também foi uma pedra no caminho de Denis (Marcos Pasquim), ao descobrir que as obras do pintor eram na realidade feitas pelo macaco Xico. Por conta disso, Judith ameaçou diversas vezes o rapaz.

 

7 – Melânia (“Fascinação”)

Exibida pela primeira vez em 1998, no SBT, “Fascinação” também tinha uma vilã para ninguém botar defeito. Glauce Graieb deu a vida a Melânia, uma mulher que ao descobrir que seu filho, Carlos Eduardo (Marcos Damigo), namora uma jovem pobre, fará de tudo para separar o casal. O desejo da megera é que o rapaz se case com Berenice (Samantha Monteiro), uma mulher milionária que será a chave para salvar sua família da falência. Ao descobrir que Ana Clara (Regiane Alves) está grávida de seu filho, a vilã arma um plano para separar o casal, dizendo que o também vilão Alexandre (Heitor Martinez) é o verdadeiro pai do bebê que a protagonista esperava. Como se não bastasse, Melânia ainda coloca Berenice no fundo do poço após ela se casar com Carlos Eduardo, para ter então direito à sua fortuna.

 

6 – Marcela (“O Cravo e a Rosa”)

Ex-namorada de Petruchio (Eduardo Moscóvis), Marcela (Drica Moraes) é uma megera pra ninguém botar defeito. Após um período vivendo em Paris, a personagem retorna ao Brasil com o intuito de se apossar da fortuna de seu pai, Joaquim (Carlos Vereza). O que ela não esperava que ele tivesse um filho perdido, Januário (Taumaturgo Ferreira), e quando ele morre acaba deixando toda sua fortuna para o ingênuo caipira. A vilã então se junta a Heitor (Rodrigo Faro) para aplicar golpes, além de tentar reconquistar o amor de Petruchio. Para isso ela terá que enfrentar a ira de Catarina (Adriana Esteves).

 

5 – Sandra (“Êta Mundo Bom”)

Fenômeno de audiência, “Êta Mundo Bom” trouxe a volta de Walcyr Carrasco na faixa das seis. Uma personagem que chamou a atenção foi Sandra, interpretada por Flávia Alessandra, e que foi a grande vilã da história. Aparentemente sendo uma mulher doce e meiga, na verdade ela era uma pessoa sem escrúpulos e totalmente ambiciosa, que só queria uma coisa: se apossar da herança de sua tia Anastácia (Eliane Giardini). A viúva decide encontrar o filho que um dia foi obrigada a abandoná-lo por insistência de seu pai, e isso se torna um verdadeiro empecilho à vilã. Para aplicar o golpe na milionária, Sandra se alia ao impiedoso Ernesto (Eriberto Leão), que finge ser o verdadeiro filho de Anastácia, porém a farsa cai por água abaixo, quando é revelado que o verdadeiro filho da personagem é Candinho (Sérgio Guizé). A loira então decide seduzir o rapaz, e no dia de seu casamento com ele, é abandonada no altar. A vilã então mostra sua verdadeira face, e arma um plano diabólico que faz com que as pessoas acreditem que Anastácia esteja louca, e assim assumindo o comando da empresa de sua tia. No final Sandra é desmascarada e acaba sendo presa, pagando por todos os seus crimes.

 

4 – Fanny (“Verdades Secretas”)

Antes de ser a escolhida para interpretar a maquiavélica Sophia, Marieta Severo já fez uma outra vilã de Walcyr Carrasco. No fenômeno da faixa das onze, “Verdades Secretas”, a veterana deu vida a Fanny, dona da agência de modelos onde a história se passava. A personagem era bem requisitada no ramo em que atuava, mas na verdade também agenciava as garotas que trabalhavam com ela através do book rosa, fazendo então com que as jovens se prostituíssem. Fanny viu em Angel (Camila Queiroz), a oportunidade de sua agência deslanchar ainda mais. Falsa e ambiciosa, a megera ainda fazia de Anthony (Reynaldo Gianechinni), seu michê para suprir suas necessidades sexuais.

 

3 – Olga (“Chocolate Com Pimenta”)

Uma garota extremamente mimada, a jovem foi uma verdadeira pedra no sapato do casal principal da história. Interpretada por Priscila Fantin, Olga era completamente obcecada por Danilo (Murilo Benício), com quem sonhava em se casar. Com a chegada da doce e ingênua Ana Francisca (Mariana Ximenes) na cidade de Ventura, a jovem então não mediu esforços para tirar a rival de seu caminho, e para isso contou com a ajuda de Bárbara (Lilia Cabral), tia de Danilo e que apoiava o relacionamento da vilã com o sobrinho. Os anos se passam, e Olga sonha em se casar com o amado, que a vem enrolando durante muito tempo. As coisas se complicam mais com o retorno de Ana Francisca à cidade, pronta para se vingar de todos aqueles que a humilhou no passado. A partir disso a megera fará de tudo para que os dois não se reaproximem.

 

2 – Violante (“Xica da Silva”)

Fenômeno na Rede Manchete na década de 90, “Xica da Silva” foi escrita por Walcyr Carrasco, que na época assinou a obra com o pseudônimo de Adamo Rangel, já que na época ele tinha contrato com o SBT. Protagonizada por Taís Araújo, a trama tinha uma vilã para ninguém botar defeito. Violante (Drica Moraes) era uma mulher obcecada pelo Contratador João Fernandes de Oliveira (Victor Wagner), prometido como seu noivo. O que a personagem não esperava fosse que o rapaz se apaixonasse por sua escrava, Xica, e desmanchasse então o noivado. Inconformada por ter sido trocada por uma negra, Violante é capaz de ir ao extremo, para separar os dois. Com suas intermináveis maldades, a megera consegue se casar com João Fernandes em Portugal, porém o rapaz ainda é apaixonado por Xica e retorna ao Brasil para ficar com ela. Abandonada, Violante acaba enlouquecendo.

 

1 – Cristina (“Alma Gêmea”)

“Alma Gêmea” foi uma das novelas de maior sucesso de Walcyr Carrasco, em que tinha a questão de vidas passadas como trama principal. A história começa com a história de amor entre Rafael (Eduardo Moscóvis) e Luna (Liliana Castro), que se apaixonam à primeira vista, casam e têm um filho. A vida do casal é uma verdadeira felicidade, que é ameaçada por conta de Cristina (Flávia Alessandra), governanta do rapaz e prima da bailarina. Amargurada, a loira possui uma inveja sem fim de Luna, e além de querer o amor de Rafael, ela ainda deseja as joias que a prima herdou da avó delas. A bailarina acaba sendo assassinada em consequência de um assalto, e Cristina passa a se dedicar a Rafael e seu filho, Felipe (Sidney Sampaio). Os anos se passam, e a vilã encontrará um novo obstáculo em seu caminho, com a chegada de Serena (Priscila Fantin). O que ela não imagina é que a personagem na verdade seja a reencarnação de sua prima, e a aproximação da jovem com Rafael lhe incomoda profundamente. Cristina é capaz de ir até às últimas consequências para separar o casal, e para isso contará com a ajuda de sua mãe, Débora (Ana Lúcia Torre), em suas diabólicas vilanias.

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja agora!

Especiais

Aguinaldo Silva não viveu uma boa fase recentemente, por conta do desempenho de O Sétimo Guardião, sua última trama na TV Globo. No entanto...

Televisão

O Canal Viva promete uma grande novidade a seus telespectadores já nesse sábado (22). Trata-se da série documental “As Vilãs Que Amamos”, uma criação de Hermes Frederico,...

Exclusivas

Uma das coisas que o público mais ama numa novela, com certeza são os vilões. Maldosos, politicamente incorretos e de caráter duvidoso, tais personagens,...